Charniqueiras

Receita das Charniqueiras conventuais ou queijadas de leite

Uns chamam-lhes charniqueiras outros chamam-lhes queijadas de leite, a mim pouco me importa, o que eu quero realmente é que elas nunca faltem 😄 É isso mesmo, elas são tão deliciosas que se tornam viciantes. E melhor ainda é a facilidade da receita, é super prática e económica, não faltam motivos para comer uma boa charniqueira.
Mas afinal o que é uma charniqueira? Estas queijadinhas pertencem ao grupo dos doces conventuais de Portugal, mais propriamente da zona do Ribatejo. E mais uma vez eu digo, quanto a mim os melhores doces vêm do passado, os nossos antepassados sabiam de veras o que era bom. Mas vamos lá à receita:

Ingredientes das charniqueiras:

2 ovos
400 gr de açúcar
100 gr de farinha
500 ml de leite
50 gr de manteiga derretida
Açúcar e canela em pó para polvilhar
(Esta receita rende cerca de 22  charniqueiras)

Preparação das charniqueiras


Comece por untar umas forminhas com manteiga e polvilhe com farinha, reserve.
Numa taça bata o açúcar com os ovos.
Junte a farinha e envolva.
Acrescente a manteiga derretida e o leite sempre batendo.
A massa fica meio liquida, mas é mesmo assim.
Verta o preparado dentro das forminhas, não encha demasiado.
Leve ao forno aquecido a 180º por uns 20 a 25 minutos.
Depois de frias desenforme as charniqueiras, coloque em forminhas de papel (facultativo) e polvilhe-as de açúcar e canela.

E como falamos de receitas docinhas e cremosas, sugiro que vejam a receita da: Tarte de Lamego, que é tão deliciosa e tanto sucesso faz pelo país. Também pertence ás receitas regionais e faz parte dos doces conventuais.

Imprimir esta receita

Mousse de iogurte

Mousse de iogurte grego

A mousse de iogurte é uma receita básica, que vai agradar aos que apreciam um bom iogurte. Leva a penas 5 ingredientes e não podia ser mais prática.

Ingredientes da mousse

200 gr de bolacha Maria picadas grosseiramente
100 gr de açúcar
400 ml de natas
500 gr de  iogurte grego
4 folhas de gelatina

Preparação da mousse de iogurte grego


Bata as natas até alcançarem alguma firmeza. Junte o iogurte grego batido, o açúcar e envolva. Demolhe as folhas de gelatina em em água, escorra-as, derreta-as no micro ondas, sem as deixar aquecer demasiado e junte-as à mistura. Mexa de novo até envolver todos os ingredientes.

Coloque uma camada de bolacha maria picada no fundo de uma taça de servir e cubra com uma camada de creme de iogurte. Repita a operação até acabar com todos os ingredientes e finalize com a bolacha picada.

Sugestões:

Na hora de servir acompanhe com doce ou compota de fruta, fica delicioso!

Não pique a bolacha Maria na picadora, fica demasiado fina e seca. Prefira um almofariz ou coloque-as numa saca plástica e pise-as com um rolo. Tenha o cuidado de deixar uns pedacinhos maiores.

Se gostou da receita, experimente a nossas: Natas do céu, na vez do iogurte, são super fáceis, levam claras e são enriquecidas com doce de ovos, uma verdadeira tentação!

Imprimir esta receita
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...